São Paulo,  
Busca:   

 

 

Terror//Insurgência

 

ISRAEL-LIBANO: força de paz da Unifil terá mais 7 mil homens e o comando está indefinido entre França e Itália.

Por IBGF/WFM

IBGF,25 agosto 2006.

o premier italiano Romano Prodio e o secretário Kofi Annan.


BRUXELAS. Na reunião de hoje (25/8/2006) dos ministros de relações exteriores da União Européia, o secretário geral da ONU, Kofi Annan irá anunciar que mais 7 mil homens integrarão a força de interposição entre Israel e Líbano.

Especula-se, também, que o comando da UNIFIL (Força de Interposição- capacetes azuis) será da Itália, tendo em vista as vacilações da França (chegou a prometer apenas 250 soldados para posteriormente recuar e aumentar a oferta).

O presidente Chirac faz pressão e afirma que o comando da UNIFIL, --que terá mais de 15 mil homens--, continuará francês.

Enquanto isso, a premier alemã Markel pediu o fim do bloqueio de Israel ao Líbano, tendo sido acompanhada por Chirac. Israel deu um não, até a decisão e chegada das tropas: os serviços de inteligência temem que a saída ensejará a retomada de posições pelo hezbollah.


Assuntos Relacionados
© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet