São Paulo,  
Busca:   

 

 

Terror//Insurgência

 

É o Amor.

Por Blog do Maierovitch www.cbn.com.br

12 de julho de 2007.


É o amor . . . “E fez eu entender que a vida é nada sem você”
Omar Osama bin Laden tem 27 anos e mora na Arábia Saudita.

Ele se apresenta como o quarto dos dez filhos do terrorista Osama bin Laden, fundador da Al Qaeda e cuja última aparição, --em vídeo transmitido pela Al-Jazira, ocorreu em 12 de outubro de 2004.

Os 007 britânicos do MI16 (espionagem externa) e MI5 (inteligência interna) e os norte-americanos da CIA sustentam que Bin Laden tem 17 filhos e Omar esteve no Afeganistão e treinou num campo de adestramento da Al Qaeda.

Omar teria rompido com o pai Osama depois do covarde ataque às Torres Gêmeas, em 11 de setembro de 2001.

Omar dedica-se à venda de ferro, na Arábia Saudita e ficou com parte substanciosa da mega-herança deixada pelo avô Muhammad Awad bin Laden. Um vovô que nasceu pobre no Iêmen e, depois de mudar para a Arábia Saudita e virar amigo do rei, acabou construtor de obras públicas e consultor de investimentos da realeza saudita.

Em férias pelo Egito, Omar resolveu cavalgar no espetacular cenário oferecido pelas pirâmides de Giza. Lógico, o seu imponente cavalo era da raça-árabe e branco. Parêntese: para os islâmicos, o profeta Maomé subiu aos céus num cavalo-árabe branco.

Certa altura do passeio, o olhar de Omar cruzou com o da inglesa Jane Felix Brownw, de 51 anos e recém-saída do quinto casamento. Também em férias, Jane vive numa vila de Cheshire, na Inglaterra.

PANO RÁPIDO

Pelo que agora Jane esclareceu, o encontro nas pirâmides de Giza ocorreu em setembro de 2006. O namoro desenvolve-se por internet, com românticos e apaixonados bilhetes eletrônicos: por e.mail.

O casamento foi confirmado hoje por Jane (jornais já haviam especulado a respeito). É assunto destacado em diversos jornais europeus que circularam hoje.

Para os tablóides ingleses, Jane tem um olhar fulminante. Tem corpo miúdo que esconde os 51 anos, dois filhos e três netos.

Jane resolveu tornar público o enlace pois pretende obter a cidadania inglesa para Omar e trazê-lo para viver na Inglaterra.

Com o casamento, Jane adotou o nome islâmico-sunita de Zaina Mohamad Ai-Sabah. Como se percebe, nada de usar Bin Laden.

A obtenção de cidadania para o marido vai ser complicada, pois os 007 britânicos estão desconfiados.

Talvez seja caso de se consultar o britânico Frederick Forsyth, autor do livro O Dia do Chacal. Virou campeão de bilheterias nos cinemas e conta a história, -- ao tempo da Guerra Fria--, do terrorista Carlos, o Chacal.


Assuntos Relacionados
© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet