São Paulo,  
Busca:   

 

 

Drogas Ilícitas

 

NARCOTRÁFICO: ordem de prisão contra líder das Farc

Por IBGF/WFM

Manuel Marulanda, apelidado de Tiro-Fijo" (tiro certeiro) é o fundador e comandante geral das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC). A Procuradoria da Justiça da Colômbia (ministério público) expediu ordens de prisões contra 46 membros das Farc, incluídos Marulanda e integrantes do estado-maior. É que contra eles pesa a acusação de cultivar coca e papoula e refinar e comercializar cocaína e heroína.

Manuel Marulanda, em célebre pintura de Fernando Botero.


As acusações estão fundamentadas em relatórios preparados pelo Exército colombiano. No relatório as Farc são comparadas aos cartéis de drogas.

Como já noticiado diversas vezes neste site do IBGF, os responsáveis pelo governo das Farc sempre negaram acusações de que realizavam tráfico de drogas. Admitem apenas a cobrança da chamada "taxa revolucionária", que incide sobre a colheita e o refino da droga.

O próprio governo colombiano já admitiu que as três principais fontes de arrecadação das Farc são: 1) extorsão de pessoas mediante seqüestro; 2) furto de gado (abigeato); 3) taxas de proteção de áreas de cultivo de coca e tributo sobre a colheita e saída da refina cocaína das áreas controladas pela insurg~encia. Enquanto não são cumpridas as ordens de prisão, o governo Uribe acaba de dar anuência para que a Igreja Católica inicie tratativas com o Exército de Libertação Nacional (ELN), organização insurgente de linha Maoísta, para um processo de paz.


Assuntos Relacionados
© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet