São Paulo,  
Busca:   

 

 

Drogas Ilícitas

 

ALEMANHA: legalizada a compra de maconha e haxixe, para uso pessoal.

Por Wálter Fanganiello Maierovitch

A maconha e o haxixe foram liberados na Alemanha para venda a consumidores, quer para fins recreativos (lúdicos), quer para terapêuticos (medicinais) .

Liberação: até 10 gramas.


Cada usuário poderá comprar até 10 gramas de maconha ou haxixe, que é uma resina derivada da erva cannabica.

O maior produtor mundial de haxixe e maconha é o Marrocos, onde os plantios da erva estão no Vale do Rif e de Yebala.

No Marrocos existem 250 mil hectares de pés de maconha (Cânhamo).

Ainda mais, 1,0 milhão de marroquinos dependem da comercialização do haxixe e da maconha. A produção anual é de 3 mil toneladas . E, também por ano, o lucro é de 10 bilhões de dólares.

Com a aprovação para consumo lúdico, recreativo, de até 10 gramas de haxixe, a Alemanha, na verdade, coloca na lei uma prática já tolerada. Ou seja, admitia-se, anteriormente, até 6 gramas.

Depois de muitas discussões sobre a quantidade, chegou-se aos 10 gramas. O projeto original estabelecia 15 gramas.

Segundo os entendidos, bastam dois gramas para se fazer um cigarro (apelidado de fininho) de maconha.

Não há casos de overdose por maconha. Para acontecer uma overdose, dizem os especialistas, precisa-se fumar até 4 quilos de maconha.

O objetivo da Alemanha é o mesmo da Holanda e o da Inglaterra. Ou seja, afastar o usuário do traficante. Este sempre disposto a oferecer outras drogas de riscos.


Assuntos Relacionados
© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet