São Paulo,  
Busca:   

 

 

Máfias/Dinheiro Sujo

 

MINISTÉRIO PÚBLICO repatria dinheiro suspeito do ex-prefeito Celso Pita

Por IBGF/WFM

IBGF,27 maio de 2006.


Comunicado expedido por e.mail pela Assessoria de Imprensa do Ministério Público de São Paulo. "O Ministério Público de São Paulo conseguiu repatriar ao cofres públicos mais de um milhão de dólares desviados para o exterior entre os anos de 1994-2000,período em que compreendeu também a gestão do prefeito Celso Pitta, por ocasião da construção da Avenida Água Espraiada, na cidade de São Paulo.

As investigações do Ministério Público de São Paulo tiveram início em 2002 e foram concluídas em novembro de 2005. Em dezembro de 2005, os Promotores Sílvio Marques, Saad Mazloum e Sérgio Sobrane, da Promotoria da Cidadania, ajuizaram ação de improbidade administrativa contra Celso Pitta e as Construtoras Mendes Jr. e OAS. Em janeiro de 2006, a juíza Simone Casoretti, da 14ª Vara da Fazenda Pública, concedeu liminar para bloqueio e repatriação dos bens.

A obra Água Espraiada, que teve início no ano de 1993 ,durante a gestão do Prefeito Paulo Maluf, foi concluída no ano de 2000 pelas construtoras Mendes Jr. e OAS e custou aos cofres públicos 800 milhões de reais. Cerca de 250 milhões de reais foram desviados para o exterior.

O dinheiro repatriado já está à disposição da Justiça e em breve poderá retornar à conta bancária da Prefeitura Municipal de São Paulo".


Assuntos Relacionados
© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet