São Paulo,  
Busca:   

 

 

Agora

 

Crime Organizado. Especialista italiana em linguagem corporal faz considerações sobre Zeu e Sandra Sapatão, presos na mega operação do Rio de Janeiro.

Por Wálter Fanganiello Maierovitch- Terra Magazine.

IBGF, 30 de novembro de 2010.


Zeu, em imagem analisada por Maria Zuppelo.





Maria Zuppelo já deu cursos no FBI, que é a polícia federal norte-americana.



Diante de retratos falados, para várias polícias da Europa e dos EUA, Maria Zuppelo apontava particularidades de grande utilidade nas investigações criminais.



Pois bem. Nesta segunda-feira (29), conversei com a jornalista Marcela Rocha, um dos pilares do Terra Magazine. A conversa foi sobre a violência no Rio de Janeiro e as operações no Complexo do Alemão e na Vila Cruzeiro e voltou-se à busca por algo diferente para mostrar aos internautas. Na mídia, o noticiário repetitivo, com pessoas a falar obviedades, estava cansativo.



Da conversa, lembrei do importante trabalho da Maria Zuppelo, que conheci em Roma e acabara de ministrar cursos para jornalistas do canal televisivo da Euronews sobre como colher indicativos sobre estar ou não o entrevistado a mentir.



Maria Zuppelo é uma italiana especializada em linguagem corporal. Está no Brasil a trabalho para a Euronews.



Em resumo, este Blog Sem Fronteiras de Terra Magazine, buscou a consultora italiana Maria Zuppello, especialista em linguagem corporal e em detectar as mentiras, para obter uma análise facial de Zeu, como era conhecido Elizeu Felício de Souza, preso na operação no Complexo do Alemão por envolvimento no assassinato do repórter da rede Globo Tim Lopes.



A expert também transmitiu sua análise sobre Sandra Helena Ferreira Gabriel, a Sandra Sapatão, que estava entre os criminosos mais procurados do Rio de Janeiro.



Confira abaixo o que disse Maria Zuppelo:



- A estrutura corporal de uma pessoa e os gestos que ela faz, a pesar do que ela diz, são indícios muito importantes e reveladores dos verdadeiros pensamentos desta pessoa. Com as palavras falamos mentiras, mas o corpo sempre fala a verdade. Por isso nas polícias mais desenvolvidas do mundo há experts que só analisam os gestos dos criminosos e as microexpressões faciais deles.



Sobre Zeu , Maria Zuppello afirma que o rosto dele mostra “um homem mais agressivo do que reflexivo e precisando fazer o mal”. A expert explica que sua avaliação resulta de características faciais de Zeu. “A testa curta é, normalmente, associada às pessoas que não cuidam muito do lado racional. O nariz grande e com narinas grandes também, detalha Maria, “são predicados de quem está prendendo a respiração, inchando o rosto”.



- Esta é uma atitude típica dos animais em situação de perigo, prendem a respiração para pegar toda a energia necessária antes de um combate.



Maria Zupello também usa as sobrancelhas de Zeu para analisar a personalidade dele: “com muito pelo, elas formam uma linha única, como um esquema de defesa. A mente não para de pensar na ação”. “As vezes que tem este tipo de sobrancelhas sofre de insônia”, afirma.



Usando como base a fotografia do momento em que foi preso, Maria diz que embora a boca deste acusado pela morte de Tim Lopes seja larga, se manteve “bem fechada”. “Como se nenhuma situação desconfortável o incitasse a falar”, diz, para depois acrescentar:



- O queixo é quadrado, típico das pessoas agressivas, violentas, iradas.



Sandra Sapatão, em imagem analisada por Maria Zuppelo.



Sandra Sapatão , era dona de algumas bocas-de-fumo na favela do Jacarezinho e ela tinha que responder a processos pelos crimes de assalto a mão armada, associação ao tráfico, tráfico e formação de quadrilha. Com seis mandados de prisão expedidos pela Justiça, a Sandra também é acusada de comandar alguns ‘bondes’ que circulam pela região.



Para Maria, a traficante tem uma postura masculinizada porque “carrega no seu corpo toda a força e a agressividade que um homem narcotraficante tem que ter”. E acrescenta: “ela parece um homem”.



Da mesma forma que analisa a testa de Zeu, a expert fala que a de Sandra Sapatão é “bem alta”. Ou seja, segundo os critérios usados para captar a linguagem corporal, a traficante é agressiva, “mas capaz de criar estratégia, de utilizar e muito bem seu lado cerebral”.



- Neste sentido ela parece ser mais perigosa do que Zeu – compara Maria.



“A boca tem as extremidades para baixo, típico de quem nunca sorri e sempre elabora pensamentos maldosos”, conclui.




PANO RÁPIDO. Amanhã, a especialista italiana Maria Zuppelo fará análise de outros personagens dos grandes chefões do crime organizado.

. –Wálter Fanganiello Maierovitch

–Marcela Rocha–


Assuntos Relacionados
© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet