São Paulo,  
Busca:   

 

 

Agora

 

Drogas. Jamaica. Guerra entre o Rei da Maconha e o Exército. 60 mortes em 24 horas.

Por Wálter Fanganiello Maierovitch- Terra Magazine.

IBGF, 26 de maio de 2010.

Jamaica, plantação de marijuana.




--1. O IBGF informou ontem, com exclusividade, que o premier jamaicano Orette Bruce Golding foi pressionado pelos norte-americanos para prender e extraditar para os EUA o mega-traficante Christopher Coke, conhecido pelo apelido de ‘Dudus’.



Dudus, embora não goste, é chamado pelos 007 da Drug Enforcement Agency (DEA) e FBI (policial federal dos EUA) como o “Rei da Maconha Jamaicana”.



Ontem, foi decretado o Estado de Emergência pelo premier Golding e tropas do Exército da Jamaica foram enviadas aos bairros de Tivoli Garden e Denham Town.



As forças jamaicanas foram recebidas com tiros de armas potentes, -- todas provenientes dos EUA--,a pelos “soldados” de Dudus, que contou com o apoio de outros 15 bandos criminais armados.



Até agora, o embate resultou em 60 mortos, a grande maioria de civis.



Em Kingston, Dudus é tido como uma espécie de Robin Hood e os moradores do bairro de Tivoli Garden protestaram contra a tentativa de prisão do seu líder comunitário. Uma multidão procurou formar um escudo humano para impedir que as tropas se aproximassem da fortaleza de Dudus.



Até as 11 horas da manhã de hoje, a polícia havia prendido 211pessoas, dadas como simpatizantes de Dudus.



Dudus é o chefe da organização criminosa conhecida por Shower Posse e controla territorialmente os bairros de Tivoli Garden e Denham Town, em Kingston. Em Tivoli Garden, Dudus, que é riquíssimo, construiu um bunker.



Segundo a DEA, o traficante Dudus envia toneladas de maconha jamaicana para os EUA e a sua organização criminal mantém ramificações em Nova York e em mais oito estados norte-americanos.



--2. O primeiro ministro Orette Bruce Golding sempre teve o apoio eleitoral de Dudus.





Como na Jamaica o sistema eleitoral é de voto distrital, Golding acabou eleito para o Parlamento pelos habitantes de Tivoli Gardens. Sem apoio de Dudus não teria sido eleito nem para porteiro do museu dedicado a Bob Marley.



Golding, num governo marcado pela corrupção, cedeu às pressões norte-americanas, até, como destacado no post de ontem, para não ser colocado na lista norte-americana dos que não colaboram com a luta contra o narcotráfico.



Dudus tem uma bancada de políticos no Parlamento. Ele recicla o dinheiro sujo da venda de maconha e crack em empresas de transporte, construção civil, turismo, cassinos e eventos musicais.



--3. Pano Rápido. O governo Golding, pelo Exército e força policial, logrou prender 4 mulheres e 211 jamaicanos. Por evidente, Dudus não está entre os presos.

--Wálter Fanganiello Maierovitch--


Assuntos Relacionados
© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet