São Paulo,  
Busca:   

 

 

Agora

 

Narcoestado. Chavez acusa a Colômbia de narcoestado.

Por Wálter Fanganiello Maierovitch- Terra Magazine.

IBGF, 08 de dezembro de 2009.

Chavez e o boliviano Evo Morales

Para o presidente Hugo Chavez, a Colômbia é um narcoestado e o presidente Uribe ordena massacres e homicídios aos paramilitares.



Essa acusação foi feita durante o programa televisivo ‘ Aló Presidente Chavez’,



O ataque verbal de Chavez, para muitos, consistiu numa resposta ao presidente Uribe. Isto em razão de o presidente colombiano ter atribuído ao governo de Chavez a responsabilidade pela violência ocorrida em Tachira, na fronteira entre os dois países e que resultou na morte de uma dezena de colombianos. Também morreram dois venezuelanos, no conflito.



Para Chavez, a Colômbia é “um paraestado”. Para ele, o estado estaria nas mãos de paramilitares: - “É doloroso, mas é verdade”.

PANO RÁPIDO. As palavras de Chavez vão agravar a crise político-comercial iniciada em julho e que cresceu em progressão geométrica. A anuência de Uribe com a instalação de sete bases norte-americanas no seu território, duas delas próximas à Venezuela, representou a gota d´água.



A relação promíscua entre Uribe e os paramilitares (AUC- Autodefesas Unidas de Colombia), utilizados no combate às FARC, é antiga. Muitos paramilitares acabaram, recentemente, agraciados com isenções de penas criminais e contemplados com a promessa de não extradição aos EUA por narcotráfico, após declaração de renúncia às armas.

--Wálter Fanganiello Maierovitch--


Assuntos Relacionados
© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet