São Paulo,  
Busca:   

 

 

Agora

 

Segurança Pública. Exército nas ruas.

Por Wálter Fanganiello Maierovitch

IBGF, 4 de agosto de 2008.

foto do jornal La Repubblica de 4/8/2008: policiamento em Palermo, iniciado hoje.

Sob severas críticas, o governo do premier Sílvio Berlusconi colocou em prática, --hoje--, um plano de segurança para nove cidades italianas e que conta como o emprego de 3 mil militares do Exército.

Os militares, com uniforme de verão, farão policiamento ostensivo em áreas consideradas de risco. Com exceção das estações de metrô, os militares não estarão nos locais freqüentados por turistas, para não assustarem e nem causarem constrangimentos. Só estão autorizados a portar um cassetete e uma pistola, ou seja, nada de bombas de efeito moral, metralhadoras, etc.

A idéia do emprego de integrantes do Exército, que estarão sempre ao lado de policiais civis e militares, decorreu de uma pesquisa popular. Nela, a grande maioria de italianos, apavorados com a violência que vem sendo atribuída aos extracomunitários (imigrantes clandestinos), manifestou-se favoravelmente ao emprego do Exército em função de garantida da ordem pública.

Num governo marcadamente populista, o desejo dos pesquisados foi imediatamente atendido, mas o plano original sofreu inúmeros abrandamentos, a ponto de os militares do Exército só estarem autorizados a autuar junto com os patrulheiros civis e os carabineiros (equivalente à nossa polícia militar).

Os 3 mil militares do Exército,desde a manhã de hoje, já são vistos em nove cidades: Roma, Milão, Palermo, Napoli, Torino, Bari,Catânia, Verona e Pádova.

Desse contigente, hum mil soldados estarão nos chamados “centro de acolhimento de imigrantes”, locais superlotados, com muitos conflitos, onde são recolhidos os imigrantes que chegam em grupos, em especial por mar e em precárias embarcações.

O plano terá a duração de seis meses e poderá ser prorrogado depois de avaliações. --Wálter Fanganiello Maierovitch--


Assuntos Relacionados
© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet