São Paulo,  
Busca:   

 

 

Agora

 

UNIÃO AFRICANA: reunião em Sharm el Sheik sem contrangimentos.

Por Wálter Fanganiello Maierovitch

IBGF, 30 de junho de 2008.


Na cidade egípcia de Sharm el Sheik foi aberta a reunião do países membros da União Africana.

Na cerimônia de abertura estava presente Omar Bongo, presidente do Gabão. Ele está no poder desde 1967, com a proteção dos franceses.

O Gabão já foi colônia francesa e conquistou a independência em agosto de 1980.

Omar Bongo, no poder desde 1967 e reeleito para um segundo mandato de sete anos em 2005, não quis comentar nada sobre a fraudada eleição de Robert Mugabe (28 anos no poder) no Zimbábue .

Ao lado do líbio Gadaffi (no poder desde 1969) e do egípcio Mubarack (presidene desde 1981), o presidente Omar Bong se coloca entre os grandes líderes democratas, aqueles que pregam a alternância no poder.

No summit da União Africana, poucos terão legitimação para falar de Robert Mugabe. A esperança está no Quênia, Tanzânia e Moçambique, considerados países efetivamente democráticos.

A situação mais inusitada é na Guiné Equatorial, uma espécie de narco-estado e onde a plutocracia considera-se proprietária de todos os poços de petróleo.
-Wálter Fanganiello Maierovitch--


Assuntos Relacionados
© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet