São Paulo,  
Busca:   

 

 

Agora

 

DROGA. Schwarzenegger e Martina Hingis em dia de Pinóquio.

Por Wálter Fanganiello Maierovitch

IBGF, 2 de novembro de 2007.
Martina Hings.
..
O exterminador já jurou.


Em quem acreditar ? Nesta semana, o governador da Califórnia, Arnold Schwarzenegger, e a tenista Martina Hingis, protagonizaram espetáculos grotescos.



O governador, já com 60 anos e fora do físio-culturismo desde 1975, disse que a -“A marijuana não é uma droga. É apenas uma folha”



Dada a reação negativa, sua assessoria soltou uma nota a informar que Schwarzenegger tava de brincadeira.



A encantadora helvética do tênis deu-se mal na contraprova. O teste foi positivo para cocaína. Diante da “prova-provada”, despediu-se das competições: -Agora, me retiro”



Diante de jornalistas, avisou: -“Nunca usei drogas, mas deixo o esporte”.


PANO RÁPIDO. Declarações e desmentidos de políticos e de dirigentes esportivos não surpreendem ninguém no planeta Terra.


A surpresa fica por conta da tenista. Também de nós, que perderemos seu encanto e competência nas quadras.



Se o resultado não fosse divulgado, o exame antecedesse a partida e apenas pontos e suspensões impostas, não perderíamos os bons espetáculos de Martina Hingis.



Quanto ao ex-Mister Universo, cidadão americano desde 1993 e governador empossado em 2003, repito a frase que o humurista Beppe Grillo diz aos políticos-: “Vaffa” (abreviatura de vaffanculo).



Wálter Fanganiello Maierovitch.



Assuntos Relacionados
© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet