São Paulo,  
Busca:   

 

 

Cultura

 

FALCONE: Novo filme sobre a tragédia de 23 de maio não será exibido hoje pela RAI. Questão eleitoral.

Por Wálter Fanganiello Maierovitch

IBGF,23 maio de 2006.
Giovanni Falcone.


Todos os anos, a Itália recorda a morte do juiz Giovanni Falcone: 23 de maio de 1992..

Os sinos das igrejas tocam as 19,05 hs, quando o juiz dinamitado pela Cosa Nostra acabou falecendo. A explosão, na auto-estrada ocorreu às 17,56 hs. Foram usados 500 kg de dinamite.

As televisões apresentam, desde 1992 e sempre no 23 de maio, filmes sobre a vida e a morte do magistrado.
Neste ano de 2006, por ocasião do 14 aniversário de morte, a RAI-UNO preparou o lançamento e a exibição de um filme sobre Falcone, estrelando Massimo Dapporto no papel do juiz.

A exibição acabou suspensa, em face da lei eleitoral que estabelece a igualdade de oportunidades ("par condiction"). É que o filme mostra, também, Paolo Bosellino, que trabalhava com Falcone e a máfia dinamitou em julho de 1992, ou seja menos de dos meses do assassinato de Falcone.

Funeral do juiz Falcone.
A irmã de Borsellino, a enfermeira Rita Borsellino, é candidata ao governo da Sicília (presidente da Região da Sicília). Com o filme exibido, Rita Borsellino levaria vantagem sobre os seus opositores, declarou Agostino Saccà, diretor da RAI-UNO.

O lançamento do filme foi adiado para depois das eleições, que ocorrerão em breve.


Assuntos Relacionados
© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet