São Paulo,  
Busca:   

 

 

Cultura

 

JORNADA MUNDIAL DA MACONHA- Aconteceu no 7 maio de 2005.

O Comitê Internacional fixou 3 pontos e cada cidade poderá acrescentar o que desejar. CONFIRA NO NOSSO SITE DO IBGF OS CASOS MENCIONADOS ABAIXO DOS 3 ÍTENS.

Bush, inimigo canábico?


A Jornada Mundial pretende que os governos sejam pressionados para aceitarem, através de mudanças nas suas políticas, três medidas:

1)fim das ações policiais, como já ocorre em vários países, com relação aos usuários.

Só para lembrar, na Inglaterra está novamente em discussão a proposta da Confederação de Policiais que levou a alteração legislativa, de modo a tirar os policiais da perseguição a usuários. Na Inglaterra, o policial deve perseguir o traficante.

Na Holanda, existem mais de 800 cafés que vendem cigarros de maconha a maiores de 18 anos e para consumo no próprio estabelecimento. Em casa, podem ser cultivados, para uso, até 5 pés de maconha (se cultivar 6 cai no Código Penal). O Café Sarasani, da cidade de Utrechet (Holanda) é o mais antigo.

A Alemanha liberou a compra e posse, para uso pessoal, até 10 gramas.

2)acesso imediato à maconha, para uso terapêutico.

Só para lembrar, o Canadá fornece (dos plantios próprios) maconha para terapias. Na Holanda, as farmácias vendem, em forma de chá, maconha para fins terapêuticos. Em Barcelona, várias farmácias e hospitais têm maconha em drágeas, para uso mediante prescrição médica. Em São Francis, são fornecidas autorizações para pessoas utilizarem maconha, em vias públicas, com finalidade terapêutica. 3)cultivo nas residências. Repetindo, na Holanda cada pessoa pode cultivar em casa até 5 pés de maconha. Problemas com vovós (venha no site a Vovó Britânica e a Chilena) surgiram, por cultivo de maconha em casa, para uso terapêutico. O Comitê dá liberdade para as cidades extenderem temas. A Argentina (veja home) quer a legalização.

Até agora (4 de maio de 2005) as manifestações irão ocorrer em 200 cidades.

CONSULTE, para imagens e mais detalhes, o site www.millionmarijuanamarch.info/


© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet