São Paulo,  
Busca:   

 

 

Espiões/D.Humanos

 

TERROR: Torres Gêmeas. Ligações telefônicas e recomendações oficias incorretas. Polêmica aberta.

Por IBGF/WFM

OLHO.

Por decisão judicial, familiares de vítimas do ataque terrorista às Torres Gêmeas de Nova York conseguiram a liberação do conteúdo de 130 ligações feitas ao serviço de emergêrcia (número 911).

As gravações revelam vítimas desesperadas e o Serviço de Segurança recomendava para que não saíssem do lugar e aguardassem o socorro. A informação estava errada, pois os bombeiros, dentro das Torres, berravam para uma evacuação rápida. O NYork Times divulgou o teor de algumas fitas gravadas.



MATÉRIA.

Das 130 ligações, apenas duas pessoas foram corretamente informadas para deixar o local, o mais rápido possível. Os demais receberam a incorreta recomendação para permanecer onde estavam, que o socorro não tardaria.

A autorização judicial foi pedida porque o prefeito de Nova York (a segurança pública é municipal) resistiam em autorizar a liberação do conteúdo das fitas.

A matéria do NY Times já gerou polêmica quanto à eficiência ou não dos serviços de socorro à populaçao, em caso de ataques terroristas com explosões ou mediante armas químicas. Para a maioria, o episódio demonstrou que as informações desses serviçõs não são confiáveis, ou seja, vale o cada para si. IBGF-31/3/2006.


Assuntos Relacionados
© 2004 IBGF - Todos os direitos reservados - Produzido por Ghost Planet